Blogger Template by Blogcrowds

DOCE LOUCURA




Cavalgo sonhos na imensidão do tempo,

Por larga e distante estrada que fiz eu,

Vivendo pleno, buscando momentos

Num infinito mundo que criei só meu.

Eternizo sem data esse grande feito

Pois no espaço vasto o meu peito vê,

Na simplicidade augusta do direito,

A consciente loucura que é amar você!


Lannes Almeida

2 comentários:

Lully,

Estive aqui para matar saudades.

Beijos.

Lannes.

29 de agosto de 2010 08:25  

Lannes, meu querido!

Que felicidade vê-lo aqui, por onde anda? Tenho passado no CE, mas não o vi...então perdi a vontade...
Escreva-me!

Beijos e saudade!

3 de setembro de 2010 17:10  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial