Blogger Template by Blogcrowds

LUA CHEIA


LUA CHEIA


É noite de lua cheia
Chegou a hora
A minha hora...
Tal qual uma princesa pagã
visto a túnica branca
debruada de ouro,
tecida com a mais pura lã
pelas sacerdotisas do templo.

Coloco a guirlanda de hera
nos pulsos duas rosas brancas
Entro no círculo de pedras
iluminado pela grande fogueira.
Os canticos se elevam,
as faíscas sobem ao céu
o cheiro da madeira sagrada
envolve o ar.

Tudo está pronto para o sacrifício,
sacrifício do verão
a Baltane, o deus do amor
e eu sou a noiva...
imolada em nome do amor.

Lully

2 comentários:

Lulli minha querida poeta. Teu poema me eleva aos píncaros da emoção, teu sentir é tão sensível que comove meu coração. Adorei milhões.

Beijos de lua cheia.

Domfiuza

8 de janeiro de 2011 11:59  

Meu querido Poeta Dom, vc é quem me deixa emocionada com suas palavras! Muito obrigada!

Beijo

8 de janeiro de 2011 16:15  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial