Blogger Template by Blogcrowds

PASSADO


PASSADO

Alguém me disse saia do passado...
Como se fosse facil esquecer
Talvez para alguém deve ser
Porquê não consigo entender uma coisa tão clara
Pois eu queira ou não a vida não para
Então vou sair do passado
Acompanhar o presente
Senão a única coisa que sobrará
Será a lembrança do passado
Onde eu quis ser a tua rainha
A mulher que te alucina
A realidade do teu sonho
O teu deserto escaldante
E o teu oásis seguro
Ser o teu calmante e o teu sonífero
Tal qual um sonho imaturo
De um adolescente inseguro
E estar sempre junto
No teu caminhar pela vida afora...
Adeus passado...

Alessandra

2 comentários:

Bem eu imaginava... mas gostaria de saber...
Ainda estou maravilhado com a beleza inequívoca deste teu poema.

Beijo

1 de novembro de 2009 00:36  

Carlos, muito obrigada pelos seus comentários em quase todas as minhas poesias, isso me deixa muito feliz!
Agora,me desculpe mas não entendi o que você quis dizer..."imaginava...mas gostaria de saber..." Por um acaso nós nos conhecemos? kkkkk
Obrigada mais uma vez e beijos.

1 de novembro de 2009 14:45  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial