Blogger Template by Blogcrowds

OLHOS DE CRIANÇA


tento escrever meus textos
ver o mundo
viver a vida
com os olhos de uma criança
que anda comigo
dia e noite
ensinando a ver
guiando meus dedos ao teclar
fazendo juntar as letras certas
formando as palavras que procuro
para formar o texto
que me faz feliz

nem sempre consigo
mas criança interior
hora me puxa
muitas vezes empurra
outras vezes dá risadas
com os “medos” do grandão

dá assim um ponta pé bem dado
na bunda do indeciso
em subir no balanço
e nele chutar as nuvens
balançar idéias
expulsar indecisões
viver a vida
e não somente dias


RICARDO garopaba BLAUTH

1 comentários:

Oi Ricardo, obrigada pela sua poesia, linda!

7 de agosto de 2009 11:41  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial