Blogger Template by Blogcrowds


TRISTEZA


Foi assim sem mais nem menos, a tristeza chegou, uma tristeza que não se explica, ou sim?

Essa coisa que aparece e que fica sem saber o porque, com isso até pode-se perder a paciência e, quem sabe, até a inocência...

Sem rumo, ao léu, neste momento onde deixei o meu leme, o meu prumo, vagando no escuro, sem equilíbrio, até procurando onde foi parar o livre arbítrio...

Que situação... que afeta a mim e aos que me cercam,
mas o que fazer neste momento senão lembrar o que tive e perdi, lembrar do seu cheiro que em mim se impregnou, daquela presença, agora uma ausência, que em minha mente ficou, tal qual maravilhosa e exuberante essência que ao sol secou.

Alessandra

1 comentários:

alo ALESSANDRA

VÁ AO MEU BLOG "CRONICAS E TEXTOS" E PROCURE NA COLUNA DA DIREITA "UM QUE DE TRISTEZA"

BJS

15 de maio de 2009 13:40  

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial